Conecte-se connosco

Cidade

Coimbra é o melhor concelho do Centro!

Publicado

em

Coimbra revalidou o título de melhor marca municipal da Região Centro, segundo a edição deste ano do Bloom Consulting Portugal City Brand Ranking©, documento que avalia a performance e a atratividade dos 308 municípios portugueses nas categorias Turismo (Visitar), Negócios (Investir) e Talento (Viver).

centro

A primeira capital de Portugal lidera o Digital Demand – D2© (procuras online por temas no município) e os resultados estatísticos das categorias de Negócios e Visitar. É ultrapassada por Leiria na categoria Viver, em parte devido à percentagem de novas empresas em solo leiriense. Leiria obteve a melhor performance no segmento Viver da Região Centro e é a terceira melhor classificada desta categoria a nível nacional.

Líder nas categorias de Negócios e Visitar, Coimbra mantem-se na liderança de uma região Centro muito extensa e competitiva. Segue-se Leiria, que consegue superar Aveiro devido à sua prestação online e assim assumir o 2º lugar regional. É a melhor marca municipal da categoria Viver, na Região Centro de Portugal, a terceira a nível nacional.

Os municípios que compõem a Região Centro representam 32,4% do total do país, captando um volume considerável de Digital Demand – D2© (procuras online por temas no município) nas categorias de Viver e Negócios.

Viseu e Torres Vedras fecham um Top 5 muito disputado e com grande expressão nacional, estando os cinco municípios cimeiros do Centro no Top 25 nacional.

Destacam-se as subidas de Óbidos, Alcobaça, Ílhavo e Fundão por mais de 5 posições no Top 25 regional, sendo ainda de digna de menção a subida do município da Covilhã, que devido a uma significativa melhoria no Digital Demand – D2© consegue afirmar-se como a 4ª melhor marca regional da categoria Visitar e assim superar Castelo Branco e Caldas da Rainha.

«A marca é o principal ativo de que cada município dispõe. Como tal, deve ser estudada para depois ser gerida e potenciada. Através destas três dimensões, conseguimos aferir, de forma tangível, esse potencial», explica Filipe Roquette, diretor geral da Bloom Portugal. «Acreditamos que, com esta análise, temos a capacidade para ajudar os municípios, não só no que toca à definição de prioridades, mas também na perceção da imagem que estes têm no resto do País e internacionalmente», completa

 

 

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade