Conecte-se connosco

Coimbra

Coimbra: Cabeleireiros, esteticistas e barbeiros exigem abrir os salões

Publicado

em

Cabeleireiros, esteticistas e barbeiros manifestaram-se hoje na Praça 8 de Maio, em Coimbra, pela abertura dos salões. Uma manifestação que juntou cerca de três dezenas de pessoas que protestam contra a falta de apoio do Estado.

Vânia Domingos, proprietária de um cabeleireiro, refere ao Notícias de Coimbra que aquando da abertura dos salões após o primeiro confinamento os profissionais tiveram “de pedir empréstimos para colocar os estabelecimentos como o Estado exige de forma a cumprir as regras de higiene e segurança, e agora não tivemos tempo de estabilizar ou pagar tudo o que investimos nos salões, e fomos forçados a voltar a fechar”.

Acrescenta que para colmatar essa despesa, tal como rendas, e despesas de água e luz, num momento em que se encontram sem faturação, o Estado presta um “apoio de 219 euros, os restantes apoios criados não ajudam este setor, outros apoios nem chegam a ser aprovados. Não conseguimos ainda estabilizar e temos um novo encerramento”. Susana Almeida, uma das organizadoras desta manifestação, acrescenta que o valor do apoio do Estado em muitos casos não chega para pagar a Segurança Social.

O profissionais do setor da estética afirmam que neste momento existem família a passar dificuldades, sem fundos para pagar as despesas, as rendas, para sustentar os filhos, e atravessam necessidades extremas.

Sobre a primeira fase de desconfinamento que será anunciada quinta-feira, os profissionais entendem que cumprem todas as regras de segurança para abrirem na primeira fase, “fomos os primeiros a fechar, e se investimos para cumprir as regras de segurança, porque é que fechamos?”, questiona Susana Almeida.

Vânia Domingos entende que os salões cumprem todas as regras de segurança, “é feita a desinfeção entre cada cliente, fazemos tudo por marcação, não há aglomerados de pessoas dentro do salão, é tudo higienizado, temos tanta higiene como um hospital”.

Estes profissionais pedem ainda que seja feita a fiscalização aos estabelecimentos para assegurar que todos cumprem as regras exigidas.

Veja aqui o direto da manifestação em Coimbra 

Veja aqui o direto da manifestação em Coimbra

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com