Conecte-se connosco

Coimbra

Coimbra apresenta novos autocarros que vão servir mais 20 mil pessoas (com vídeos)

Publicado

em

O município de Coimbra apresentou hoje seis novos autocarros dos Serviços Municipalizados de Transportes Urbanos (SMTUC), que vão servir mais 20 mil pessoas da zona norte do concelho a partir de abril, com a criação de cinco novas linhas.

No próximo mês, o serviço público de transportes vai ser estendido às freguesias de Souselas e Botão, onde decorreu a apresentação, e Brasfemes, e reforçado nas freguesias de Eiras, São Paulo de Frades, Trouxemil e Torre de Vilela.

Salientando que se trata de um desejo antigo daquelas freguesias e do próprio município, o presidente da Câmara, Manuel Machado (PS), disse que só agora foi possível “devido à valorização que estrategicamente fizemos nos SMTUC nos últimos sete anos”.

“Para alargarmos a rede de oferta precisámos de contratar mais motoristas, com a entrada de mais de 60 trabalhadores para conduzir os autocarros e também para as oficinas, e de comprar mais autocarros, com a aquisição de cerca de 80 veículos”, sublinhou.

O autarca frisou que a estratégia “que permitiu alargar a oferta primeiro à zona sul, agora à zona norte e, em breve, para as freguesias da margem direita até ao limite do concelho, é suportada pelos cofres municipais”.

Segundo Manuel Machado, “é de inteira justiça que os SMTUC, com todo o esforço que temos feito, continuem a chegar a mais localidades do concelho, mesmo que isso demore mais do que aquilo que todos queríamos”.

O presidente da Câmara de Coimbra salientou ainda que este alargamento não deixa totalmente satisfeito o executivo municipal, que pretende “continuar a chegar a mais locais, com mais horários, com melhor qualidade e com autocarros mais amigos do ambiente”.

“Deixa-nos felizes saber que muitas famílias de Coimbra vão poder agora passar a aceder às tarifas sociais praticadas pela Câmara, o que significa menos despesa em transportes e maior poupança”, acrescentou ainda o autarca.

Em declarações aos jornalistas, o presidente da União de Freguesias de Souselas e Botão, Rui Soares, recordou que a reivindicação de alargamento dos transportes coletivos municipais à zona norte do concelho já “vem de longa data, desde 2013”.

“O município tem de servir as populações, porque, de facto, esta zona norte precisa de ser desenvolvida, já que tem bons acessos e quase tudo [o que é necessário], só faltavam os transportes”, referiu.

O autarca eleito pelo movimento Somos Coimbra considera que com a chegada dos transportes coletivos municipais e se a autarquia conseguisse baixar as taxas urbanísticas e despachar os processos de obra mais depressa “seguramente que, em pouco tempo, teremos muito mais pessoas a morar na zona norte do concelho”.

Nos últimos sete anos, o município de Coimbra reforçou a frota dos SMTUC com 79 viaturas, entre elas 49 autocarros (10 elétricos), 23 miniautocarros (11 elétricos e dois híbridos), duas carrinhas de transporte especial e cinco viaturas de apoio, num investimento superior a 12 milhões de euros, e está em curso a aquisição de cinco novos autocarros 100% elétricos ‘standard’ por 2,4 milhões de euros.

Os SMTUC são suportados pelos cofres do município de Coimbra, representando um investimento anual superior a nove milhões de euros.

Pode ver os vídeos dos diretos NDC:

Vídeo 1 

Vídeo 2

Vídeo 3

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com