Conecte-se connosco

Coimbra

‘Coimbra a brincar’ dinamiza mais de 60 atividades para todos os públicos

Publicado

em

A Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra (APCC) dinamiza a 10ª edição do ‘Coimbra a Brincar’, este ano em formato presencial, nos dias 27 e 28 de maio, com atividades gratuitas, para todas as gerações.

Nos dois dias a maioria das iniciativas concretizam-se na margem direita do Mondego, no Parque Verde, em Coimbra, entre o Pavilhão Centro de Portugal e a ponte pedonal.

“Tentamos dividir as coisas desta forma. Poder permitir às instituições escolares que venham com as suas crianças, e nesse caso, este ano, será o dia 27 de maio, sexta-feira”, disse hoje, na apresentação da iniciativa, uma das fundadoras do projeto, Teresa Paiva.

No sábado, dia 28 de maio, assinala-se o Dia Internacional do Brincar com iniciativas particularmente dirigidas para as famílias.

“Brincar é fundamental sempre. Uma das coisas que nós fazemos nesta iniciativa do ‘Coimbra a Brincar’ é pôr as empresas também a permitirem que os seus próprios colaboradores façam um filme, uma fotografia, qualquer coisa, e passar a mensagem de que brincar é fundamental para nossa vida e para a nossa saúde mental”, sublinhou, Teresa Paiva, que também é psicóloga.

Trata-se de uma edição ainda “mais simbólica”, já que nos últimos dois anos a iniciativa foi feita em formato ‘online’, devido à pandemia provocada pela covid-19.

O programa da edição deste ano, que vai ficar disponível em www.apc-coimbra.org.pt e no Facebook, inclui jogos ampliados, jogos tabuleiro, pinturas faciais e moldagem de balões, intervenções assistidas por animais, ‘yoga’ para crianças, danças, exposições, teatro, entre outras.

Vão ser ainda dinamizadas atividades apresentadas por várias instituições da cidade, no regresso da iniciativa ao formato presencial.

O evento que pretende despertar para a necessidade da brincadeira é promovido pela Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra, com mais 47 parceiros.

”Desde o início que a Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra quis levar as comemorações fora das paredes, para de facto, comemorar com toda a gente nesta atividade”, disse o presidente da APCC, Fernando Filipe de Oliveira.

A vereadora da Câmara Municipal de Coimbra, Ana Cortez Vaz, aproveitou para apelar à comunidade que “se envolva nestes dois dias de brincadeira”, com atividades que “foram planeadas e pensadas para todos brincarem, não deixando ninguém de fora”.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link