Conecte-se connosco

Coimbra

Cercipenela e empresas do concelho dinamizam recolha seletiva

Publicado

em

A separação dos resíduos sólidos diferenciados, e o consequente encaminhamento para centros de valorização, tem vantagens que vão desde a economia de energia até à proteção dos recursos naturais, passando pela taxa de gestão de resíduos (TGR) paga pelo município que desce à medida que a separação aumenta.

Esta constatação impulsionou o lançamento de uma experiência piloto de recolha seletiva de cartão e plástico junto dos estabelecimentos industriais, comerciais e de serviços do concelho de Penela, com maior volume de produção destes resíduos e o seu reencaminhamento para valorização, envolvendo a Cercipenela e o Município de Penela.

Iniciado em abril de 2011, o projeto-piloto teve recentemente uma nova alavanca com a assinatura do “Protocolo de Dinamização e Sensibilização” entre a ERSUC – Resíduos Sólidos do Centro S.A. e a Cercipenela

. Assim, numa dinâmica de obter maior sucesso no tratamento dos resíduos sólidos urbanos, foi estabelecido um triângulo de cooperação envolvendo a Cercipenela, com a recolha de papel e plástico/metal porta-a-porta nas entidades aderentes; o Municipio de Penela com a transferência de uma verba de mil e duzentos euros anuais para a CerciPenela, a título de comparticipação nos custos incorridos com a operação de recolha; e a ERSUC que vai gratificar a CerciPenela com oitenta euros por cada tonelada de papel e duzentos e vinte euros por cada tonelada de plástico e/ou metal recolhido.

 

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com