Conecte-se connosco

Saúde

Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra atribui pela primeira vez prémios e bolsas de investigação científica (com vídeos)

Publicado

em

As comemorações do Dia do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), decorreram, esta sexta-feira, com a homenagem a 121 profissionais de saúde que se aposentaram no último ano e a atribuição de dois prémios e duas bolsas de investigação científica, que foram instituídos pela primeira vez.

“É uma inovação”, realçou o presidente do conselho de administração do CHUC, sublinhando que o objetivo é “marcar de forma clara o compromisso que o Centro Hospitalar e Universitário tem com a investigação”.

Carlos Santos adianta que “um hospital universitário não pode perder de vista que tem na sua génese, no seu ADN, um compromisso forte com a investigação clínica e translacional”, reforçando que o financiamento dos prémios e das bolsas  será suportado por verbas da própria investigação clínica, “o que no fundo é um círculo virtuoso de utilização dos resultados de investigação para financiar novos projetos e novas soluções que trarão melhorias para o doente”.

Nuno Madeira, com o artigo: “A Fundamental Distinction in Early Neural Processing of Implicit Social Interpretation in Schizophrenia and Bipolar Disorder”, foi o vencedor do prémio para melhor artigo científico de investigação translacional do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, com um valor de 1000 euros.

Já o melhor artigo científico de investigação na área clínica pertence a José António Pereira da Silva, com o tema: High patient global assessment scores in patients with rheumatoid arthritis otherwise in remission do not reflect subclinical inflammation”, tendo também arrecadado mil euros.

As Bolsas de Investigação Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, no valor de 10 000 euros cada, premiaram o projeto de investigação translacional: “Heat-induced epithelial permeability – A nanoscale-based solution for the treatment of fungal keratitis”, da investigadora Andreia Rosa.

O melhor projeto de investigação na área clínica pertence à investigadora Sara Freitas, com o título: “Imaging Biomarkers in Progressive Fibrotic Interstitial Lung Diseases”.

Realizou-se também a inauguração de uma escultura em homenagem aos profissionais do CHUC, oferta da Associação Longevitatis e a inauguração da exposição fotográfica “Liberdade no Olhar”.

Veja os diretos NDC:

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
NOTICIAS DE COIMBRA
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com