Conecte-se connosco

Coimbra

Censos2021: Coimbra perde população

Publicado

em

Os municípios de Leiria, Aveiro e Viseu são as três únicas capitais de distrito da região Centro que ganharam população face a 2011, embora a região, no seu todo, tenha perdido 4,3% de população nos últimos dez anos.

Coimbra, a capital de distrito mais populosa do Centro, perde 1,8% de população (passa de 143.396 residentes para 140.796, menos 2.600 pessoas), a Guarda cai 5,6% face a 2011 (de 42.541 para 40.155, menos 2.386 pessoas) e Castelo Branco perde 6,8% de residentes em dez anos, menos 3.837 pessoas, passando de 56.109 em 2011 para 52.272 em 2021.

De acordo com os resultados preliminares dos Censos 2021, hoje divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), Aveiro é a capital de distrito da região Centro que mais ganha população (3,1%), passando de 78.450 residentes em 2011 para 80.880 em 2021 (mais 2.430 pessoas).

Segue-se Leiria, a segunda capital de distrito mais populosa do Centro, com um acréscimo de 1,4%: 128.640 residentes este ano, contra 126.884 em 2011 (mais 1.756 pessoas em dez anos).

Viseu também cresce, embora num valor quase residual de 0,4%, ganhando 419 residentes e passando de 99.274 em 2011 para 99.693 em 2021.

Enquanto Nomenclatura de Unidades Territoriais para Fins Estatísticos (NUTS) II, a região Centro é constituída por 100 municípios, os quais fazem parte de oito comunidades intermunicipais (Oeste, Região de Aveiro, Região de Coimbra, Região de Leiria, Viseu Dão-Lafões, Beiras e Serra da Estrela, Beira Baixa e Médio Tejo).

Inclui a maioria dos municípios de Aveiro, Viseu e Guarda, uma parte norte dos distritos de Lisboa e Santarém, e a totalidade dos municípios de Castelo Branco, Coimbra e Leiria.

Segundo os resultados preliminares divulgados pelo INE, apenas 13 dos 100 municípios do Centro ganham população, mas sempre abaixo dos 5% e quase todos, à exceção de Viseu, localizados na faixa litoral.

O município da região Centro que mais população ganhou desde 2011 foi Torres Vedras (4,6%), a exemplo de quatro concelhos que lhe são próximos: Arruda dos Vinhos (4,4%), Sobral de Monte Agraço (3,8%), Alenquer (2,7%) e Lourinhã (2%), todos pertencentes ao distrito de Lisboa.

Para além de Aveiro, Leiria e Viseu, os restantes municípios que ganharam residentes na região Centro foram Ílhavo (1,7%), Óbidos (1,4%), Marinha Grande (0,9%), Oliveira do Bairro (0,5%) e Vagos (0,2%, um acréscimo de 54 pessoas em dez anos).

Do lado de quem perdeu população, todos os municípios dos distritos de Coimbra, Guarda e Castelo Branco apresentam variações negativas: no distrito da Guarda estão os dois concelhos com maior perda populacional no Centro – Almeida (-18,8%) e Figueira de Castelo Rodrigo (-17,7%) – seguidos de Castanheira de Pera (Leiria), com -17%.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link