Conecte-se connosco

Formação

CEARTE proporciona “experiências diferentes” na Europa a 24 formandos (com vídeos)

Publicado

em

O CEARTE – Centro de Formação Profissional para o Artesanato e o Património proporcionou a mobilidade internacional de 24 formandos, no âmbito do projeto europeu Erasmus.

Através desta iniciativa, os formandos do CEARTE dos cursos de Museografia e Gestão do Património, de Desenvolvimento de Produtos Multimédia e de Cozinha/Pastelaria realizaram períodos de três semanas de estágios em três países da União Europeia.

Assim dez estudantes do curso de Técnico Especialista em Desenvolvimento de Produtos Multimédia viajaram até à Áustria. Um desses estudantes foi João Martins, de 30 anos, que classificou a experiência como única, onde conheceram “novos métodos de trabalho e novas culturas”.

Para o formador António Monteiro, que acompanhou este grupo, “foi muito bom para eles terem esta oportunidade para ir ao Centro Cultural da Europa, onde conheceram pessoas com profissões diferentes”.

Já 9 alunos do curso de Técnico de Museografia e Gestão do Património rumaram para Itália. Para Inês Dias esta oportunidade deu-lhe “mais conhecimento a nível profissional e pessoal”.  A jovem de 29 anos refere mesmo que há a possibilidade de ir trabalhar no estrangeiro.

Do curso de Cozinha/Pastelaria foram cinco formandos que estiveram em Barcelona, no âmbito do projeto europeu Erasmus. Gonçalo Serra, que já acabou o curso, e pondera regressar. “Gostaram muito mim”, atira o jovem que reconhece que se trata de uma “experiência diferente”.

Ana Cristina Mendes, diretora adjunta do CEARTE, realça que esta metodologia “é uma mais valia significativa e adicional para os formandos”.

Paulo Teles Marques, Presidente do Conselho de Administração da instituição, sublinha que ” a internacionalização dos cursos de formação tem sido uma grande aposta do CEARTE, dando aos jovens uma oportunidade de enriquecimento cultural, tecnológico e profissional que não têm se apenas fizerem os estágios em território nacional”.

Os estágios de mobilidade são financiados pelo programa Erasmus, mediante candidaturas apresentadas pelo CEARTE e são totalmente gratuitos para os formandos.  

O Centro de Formação Profissional para o Artesanato e o Património já conta com mais um projeto de mobilidade aprovado para iniciar no próximo ano.

Veja o vídeo do Direto NDC com Paulo Teles Marques, Presidente do Conselho de Administração do CEARTE e Ana Cristina Mendes, diretora adjunta da instituição:

Veja o vídeo do Direto NDC com Inês Dias:

Veja o vídeo do Direto NDC da apresentação das experiências no projecto europeu Erasmus:

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade