Primeira Página

Cantanhede consigna obra de requalificação do novo troço da Estrada Nacional 335

Notícias de Coimbra com Lusa | 2 meses atrás em 22-02-2024

O Município de Cantanhede acaba de formalizar o auto de consignação que marca o início da segunda fase da requalificação do troço da Estrada Nacional (EN) 335, entre o centro urbano de Lemede e a rotunda da Rua Dr. Sá Carneiro, na parte poente da localidade.

PUBLICIDADE

O documento foi assinado pela presidente da Câmara Municipal, Helena Teodósio, e pelo representante da empresa adjudicatária, numa sessão que contou ainda com a presença do presidente da União de Freguesias de Cantanhede e Pocariça, Nuno Caldeira.

Incluída no plano de investimentos de valorização da rede viária que a autarquia tem vindo a desenvolver, a empreitada ascende a 572.250 euros, complementando uma outra, no valor de 443.342 euros, entre Lemede e o limite do concelho de Cantanhede, à entrada do concelho Montemor-o-Velho, está já concluída há algum tempo.

PUBLICIDADE

publicidade

Com uma extensão de cerca de dois quilómetros, essa primeira intervenção incidiu entre a zona onde se localizam os depósitos de água da INOVA-EM e a rotunda do Zambujal, na freguesia de Cadima, na confluência dos municípios de Cantanhede e Montemor-o-Velho.

Ou seja, a Câmara de Cantanhede investe mais de um milhão de euros na requalificação de um troço viário que, segundo a presidente da autarquia, “tem uma função estruturante ao nível económico do concelho, visto que se trata de uma ligação viária direta ao nó de acesso da Autoestrada 14, na vizinha freguesia de Arazede, do concelho de Montemor-o-Velho”.

PUBLICIDADE

A decisão de dividir a obra em duas empreitadas deveu-se ao facto de se ter considerado que assim seria mais fácil acautelar acessos alternativos a alguns lugares localizados nas zonas de confluência da EN 335.

Tal como o troço já reabilitado, a parte que vai agora ser intervencionada encontra-se com deformações no pavimento, pelo que os trabalhos incluem a substituição da camada de desgaste em toda a extensão e, onde necessário, a estabilização do solo de fundação.

No resto do percurso será também efetuada a limpeza de bermas, valetas e aquedutos, bem como taludes, por forma a permitir que a intervenção tenha as melhores condições de segurança e salubridade.

A iniciar no mês de março, a empreitada tem um prazo de execução de 180 dias seguidos, sendo, portanto, expectável que venha a ser concluída em agosto do presente ano.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE