Conecte-se connosco

Destaque

Campanha de angariação de bens para animais nos supermercados foi cancelada

Publicado

em

A campanha de maio do Banco Solidário Animal foi cancelada, o que impedirá a aquisição de produtos essenciais para responder às dificuldades das organizações de defesa dos animais, tendo sido lançada uma campanha no Facebook, anunciou hoje a Animalife.

Em comunicado, a associação referiu que, com o cancelamento do Banco Solidário Animal, não será possível recolher “bens nos supermercados e hipermercados de todo o país”, dificultando “mais a vida das associações e grupos de proteção animal”.

De acordo com a Animalife, há muitas organizações incapazes de assegurar a alimentação dos animais que acolhem e, caso nada venha a ser feito, estes poderão vir a passar fome.

Em março, a Animalife lançou uma plataforma solidária para responder às dificuldades das organizações de defesa dos animais, que têm sofrido quebras nas receitas devido à pandemia da covid-19.

Até ao momento, a associação de defesa dos animais conseguiu angariar mais de 100 toneladas de ração para distribuir por várias entidades, que “estão em situação limite e que esgotaram por completo as suas reservas”.

“Queremos entregar essa doação, se possível já nos próximos dias. Mas não temos como suportar os custos do transporte, inteiramente a cargo da associação”, referiu, acrescentando que lançou uma nova campanha de angariação de fundos na sua página oficial no Facebook para poder “levar a ração a milhares de animais em risco”.

Segundo a Animalife, em abril, a plataforma solidária permitiu fazer chegar cerca de 80 toneladas de alimentação seca e húmida para cão e gato – e também areia – a 56 organizações de todo o país, totalizando 109 paletes distribuídas.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link