Conecte-se connosco

Coimbra

Câmara vai pedir indemnização à E-Redes por atraso na obra do Parque de Skate (com vídeo)

Publicado

em

A Câmara de Coimbra está a preparar um pedido de indemnização à E-Redes, depois de esta empresa ter levantado condicionamentos que inicialmente não assinalou na obra do Parque Municipal de Skate e que obrigaram à suspensão da intervenção e a trabalhos complementares orçados em mais de 15 mil euros. 

A confirmação foi feita por Ana Bastos, no final da reunião desta segunda-feira na qual o executivo analisou e votou uma proposta para alteração do projeto de execução, respetivos trabalhos complementares e prorrogação do prazo de construção do novo Parque Municipal de Skate de Coimbra. Questionada pelo Notícias de Coimbra se o município iria avançar com um pedido de indemnização, a vereadora respondeu: “Confirmo”.

“Os trabalhos estavam a decorrer normalmente, a E-Redes tinha sido ouvida numa fase prévia de desenvolvimento do projeto, não tinha levantado qualquer tipo de problema, e agora, no dia 8 de outubro, vem com a indicação de que há uma linha de alta tensão que passa precisamente no local do Skate Parque e que a obra teria de ser parada, uma vez que eles necessitam de garantir essa servidão”, explicou.

A necessidade de alteração ao projeto vai levar a trabalhos complementares com o custo de 15.475 euros e uma prorrogação no prazo de execução de 23 dias, a que acresce o prazo de suspensão dos trabalhos. A autarquia vai dar seguimento à construção do novo parque, sob o viaduto da ponte Rainha Santa Isabel, na margem direita do rio Mondego, que está suspensa há cerca de três semanas, desde 22 de outubro.

“É legítimo ponderar, e isso foi ponderado, e está a ser devidamente testado pelos serviços técnicos, imputar as correspondentes responsabilidades à E-Redes porque foi ouvida previamente”, sublinhou Ana Bastos.

Durante a reunião, a questão foi levantada pelo vereador do PS, Carlos Cidade, que incitou o município a fazer o pedido de indemnização. A autarca explicou logo aí que o pedido “está a ser preparado”.

Veja as declarações de Ana Bastos sobre este assunto (a partir do minuto sete):

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link