Conecte-se connosco

Região

Câmara de Montemor-o-Velho encerra devido a surto de covid-19

Publicado

em

Montemor-o-Velho ativou hoje o Plano de Emergência Municipal devido a “medidas preventivas e temporárias devido à pandemia covid-19”, informou o município em comunicado.

No documento é citado o edital, que o NDC transcreve, onde a autarquia encerra os serviços municipais partir de hoje, 1 de novembro.

  1. “Na passada 6ª-feira, dia 29 de outubro, foi detetada uma situação de particular vulnerabilidade epidemiológica nos serviços municipais, que se tem vindo a agravar exponencialmente até ao dia de hoje.
  2. O Município está em permanente contacto com as autoridades de saúde locais que recomendam, de forma urgente e imperiosa, a implementação de medidas preventivas e cautelares que diminuam drasticamente os contactos sociais ou outros de todos os colaboradores e utentes do Município.
  3. Dada a situação, foi ativado o plano de emergência Municipal a partir das 16h30 do dia 1 de novembro de 2021.
  4. Neste sentido, foi decidido, para os dias 2 e 3 de novembro, o encerramento temporário do edifício dos Paços do Concelho, com suspensão do atendimento presencial, passando o mesmo a ser efetuado exclusivamente por telefone e meios digitais.
  5. Também os edifícios municipais do Centro de Alto Rendimento, da Biblioteca, do Arquivo Municipal, do BUPI e do Pavilhão Municipal se encontram encerrados temporariamente no mesmo período.
  6. Para que não haja qualquer prejuízo para os munícipes e utentes dos serviços, os pagamentos e cumprimento de prazos ficam adiados pelo tempo que perdurar este período de exceção.
  7. A autarquia acompanhará, diariamente, em conjunto com a autoridade de saúde competente a evolução da situação epidemiológica e comunicará, quando possível, a reabertura presencial dos serviços.
  8. Pedimos a compreensão de toda a população e desejamos que esta situação seja ultrapassada com a maior brevidade possível.
  9. Aconselha-se ainda que todos os Munícipes continuem a seguir rigorosamente as recomendações da Direção Geral de Saúde.” 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade