Conecte-se connosco

Coimbra

Câmara de Coimbra quer validação do bilhete de autocarro através do telemóvel em 2023

Publicado

em

A Câmara de Coimbra quer que seja possível validar o bilhete dos transportes urbanos do concelho através do telemóvel já em 2023 e está também a estudar a possibilidade de carregamento dos títulos através de multibanco e via digital.

As Grandes Opções do Plano (GOP) e Orçamento dos Serviços Municipalizados dos Transportes Urbanos de Coimbra (SMTUC) serão discutidas na quarta-feira, em reunião do executivo, assim como o Orçamento da Câmara Municipal de Coimbra para 2023.

No documento dos SMTUC para 2023, consultado pela agência Lusa, é referido que a validação dos bilhetes de autocarro possa ser disponibilizada já no próximo ano.

Ainda na área da bilhética, estão em fase de concretização “novos modos de carregamento/pagamento de títulos de transporte”, estando previsto que, no início de 2023, já seja possível o pagamento à distância, através de ‘site’.

Segundo o documento, está também em curso o procedimento para permitir carregar bilhetes através de multibanco ou “a utilização de cartões bancários como suporte aos títulos”, e encontra-se em fase inicial de desenvolvimento “uma nova aplicação para permitir o pagamento dos títulos de transporte a bordo com recurso a cartões bancários, de forma a facilitar o pagamento e incentivar o uso de transportes por parte de utilizadores não habituais”, como visitantes ou turistas.

Já no setor do estacionamento, as GOP para 2023 preveem um alargamento das zonas de estacionamento pago, a intensificação da fiscalização desse mesmo estacionamento e o lançamento de “um sistema piloto para gestão, monitorização e controlo, em tempo real, do sistema de estacionamento, por recurso a câmaras vídeo, com vista à sua eventual posterior replicação a outras zonas da cidade”.

O documento, assinado pela presidente do conselho de administração dos SMTUC, Ana Bastos (vereadora da Câmara de Coimbra com a pasta dos transportes), dá nota também de desenvolvimentos em 2022 do Sistema de Informação em Tempo Real, referindo que, em 2023, deverá haver alargamento do sistema, através da aquisição e instalação de novos painéis informativos, a disponibilização de um ‘QR code’ nas paragens que permita aceder aos horários em tempo real e a entrada em serviço de um sistema de alertas que permita informar os utentes de situações de supressão ou irregularidades nas carreiras.

Já na renovação da frota dos SMTUC, está previsto para 2023 o fim do procedimento para a compra de 22 novas viaturas elétricas (dez autocarros ‘standard’ e 12 mini-autocarros), ao abrigo do Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência para o Uso dos Recursos (POSEUR), que representam um investimento de dez milhões de euros.

Nas GOP, é referido ainda que os SMTUC aguardam a abertura do próximo quadro comunitário, para perceber se haverá “novas oportunidades de financiamento” que permitam “concretizar o plano de renovação da frota, nos termos do plano em elaboração”.

O orçamento dos SMTUC para 2023 será de 33,4 milhões de euros.

Já a proposta do Orçamento Municipal da Câmara de Coimbra para 2023 tem um valor global de 174,9 milhões de euros, prevendo um aumento médio de 25% no apoio às freguesias.

Segundo o município, as GOP e Orçamento para 2023 são marcados pela “contenção e rigor”, “pela transição entre dois quadros comunitários” e pela “indefinição criada pela instabilidade económica e financeira que se vive no mundo devido à guerra na Ucrânia”.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com