Cidade

Câmara dá 100 mil euros a Bombeiros Voluntários de Brasfemes e Coimbra

Notícias de Coimbra | 9 anos atrás em 14-11-2014

Segundo informação da Câmara Municipal de Coimbra (CMC) enviada a Notícias de Coimbra “foi sob o signo da “colaboração recíproca” e da “entreajuda” que o presidente da autarquia, Manuel Machado, assinou hoje dois protocolos de colaboração com as associações humanitárias dos bombeiros voluntários de Coimbra e de Brasfemes.”

PUBLICIDADE

Graças a estes protocolos, cada uma destas corporações vai receber um apoio de 50 mil euros, referente ao ano em curso, tendo o presidente da CMC indicado que estas verbas serão alvo de “processamento imediato” por parte dos serviços financeiros da autarquia.

“O essencial mesmo é o apoio que aqui é concedido e o bom uso que, por certo, lhe vai ser dado”, destacou Manuel Machado. Por parte da Direção dos Bombeiros Voluntários de Coimbra assinou o presidente, Henrique Fernandes. Do mesmo modo, pela direção dos Bombeiros Voluntários de Brasfemes assinou o respetivo presidente, Gonçalo Santos.

PUBLICIDADE

publicidade

No texto dos protocolos pode ler-se que a atividade da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Coimbra em prol da população do Distrito de Coimbra remonta já a 1889 (no caso da congénere de Brasfemes, 1939) e que ambas sempre se debateram com dificuldades de ordem financeira, consequência da sua atividade predominantemente social e humanitária, só superada ao longo dos anos da sua existência pelo exercício de uma gestão rigorosa por parte das suas direções.

Nesse sentido, o município entende que para a prossecução dos objetivos e o cabal desempenho das funções sociais e humanitárias dos Bombeiros, torna-se imprescindível o apoio objetivo da CMC.

PUBLICIDADE

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE