Conecte-se connosco

Justiça

Cadeia por abusar de menor apaixonada na Lousã

Publicado

em

Um homem de 35 anos foi condenado esta sexta-feira pelo Tribunal de Coimbra por abuso sexual de uma menina. A rapariga, de 13 anos, apaixonou-se pelo abusador, que era amigo da família.  

O coletivo de juízes condenou o arguido, que trabalhava no ramo das telecomunicações, a sete anos de prisão. O homem, que se encontra em prisão preventiva, assistiu à leitura do acórdão por videoconferência.

Os crimes ocorreram no ano passado, na Lousã, onde as famílias viviam. O homem começou a assediar e seduzir sexualmente a vítima e a menina acabou por se apaixonar por ele. Foi o comportamento do homem e também o da menor que geraram suspeitas, tanto na mulher do detido como na mãe da criança.

A menina foi confrontada pela mãe e acabou por assumir o que se estava a passar, contando que estava apaixonada. 

O arguido, que já tem antecedentes criminais, confessou os crimes. 

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link