Política

Arranca a campanha das Europeias. Por onde vão andar os partidos

Notícias de Coimbra | 3 semanas atrás em 27-05-2024

A campanha oficial para as eleições europeias começa hoje com a maioria dos partidos concentrados em Lisboa, com a exceção da AD, PS e Chega, que dedicarão o dia a distritos a sul do Tejo.

PUBLICIDADE

Na sua primeira ação de campanha, o cabeça de lista da Aliança Democrática (AD), Sebastião Bugalho, vai ter um dia preenchido, com cinco ações no sul do país. O candidato vai começar o dia no Algarve, com iniciativas em Olhão e Faro, dedicadas às pescas e migrações, seguindo depois para o Alentejo, com paragens em Moura e Reguengos de Monsaraz, antes de terminar o dia em Évora, onde também vai estar o presidente do partido e primeiro-ministro, Luís Montenegro.

O Chega também estará no Algarve e no Alentejo, começando o dia com uma arruada em Vila Nova de Milfontes, no distrito de Beja, seguindo depois para Albufeira, onde fará outro desfile pelo centro da cidade.

PUBLICIDADE

A caravana do PS terá o dia mais intenso entre todos os partidos, também ele a sul do Tejo e unicamente no distrito de Setúbal. A cabeça de lista, Marta Temido, vai arrancar o dia logo às 07:30 da manhã, com um contacto com a população em Cacilhas, e só terminará às 20:30, com um comício em Almada, que também contará com uma intervenção do líder socialista, Pedro Nuno Santos.

De resto, todos os partidos com assento parlamentar terão iniciativas no distrito de Lisboa.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

O Bloco de Esquerda (BE) vai iniciar o dia com uma visita à feira semanal de Espinho, no distrito de Aveiro, mas logo depois parte para Lisboa, com duas iniciativas no concelho de Loures, que inclui um jantar-comício em Sacavém.

Já a Iniciativa Liberal (IL) vai começar a campanha com ações no centro da capital: o cabeça de lista do partido, João Cotrim de Figueiredo, vai participar numa ação no Campo Pequeno de manhã e terminará o dia com um jantar-comício no Beato, no qual também vai participar o líder, Rui Rocha.

Também a CDU tem um dia dedicado exclusivamente ao distrito de Lisboa, com um contacto de manhã com a população na Amadora e, da parte da tarde, duas sessões, uma sobre salários – na qual participará o secretário-geral do PCP, Paulo Raimundo – e outra sobre cultura.

O Livre dividirá o dia entre o distrito de Setúbal e de Lisboa. Três horas depois da cabeça de lista do PS, o “número um” do Livre, Francisco Paupério, vai fazer uma viagem de barco entre o Cais do Sodré e Cacilhas, passando a tarde em Sintra, com a visita ao restauro ecológico do Vale da Adraga e um convívio com membros do partido no Café Paranoia.

Por sua vez, o “número um” do PAN, Pedro Fidalgo Marques, começa a campanha com duas iniciativas dedicadas ao ambiente no distrito de Lisboa: uma visita à ‘start-up’ tecnológica Wind Credible, na Amadora, e outra ao Instituto Zoófilo Quinta Carbona, no concelho de Oeiras.

Cerca de 373 milhões de eleitores europeus são chamados a votar para o Parlamento Europeu entre 06 e 09 de junho. Em Portugal, votação é no dia 09.

Serão escolhidos 720 eurodeputados, 21 dos quais portugueses.

Concorrem às eleições um total de 17 partidos e coligações: a AD, PS, Chega, IL, BE, CDU, Livre, PAN, ADN, MAS, Ergue-te, Nova Direita, Volt Portugal, RIR, Nós Cidadãos, MPT e PTP.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE