Conecte-se connosco

Portugal

Animais de companhia obrigados a ter microchip. Multas podem ultrapassar os 40 mil euros

Publicado

em

Todos os animais de companhia são obrigados a ter microchip a partir desta terça-feira (25 de outubro). Em caso de falta de identificação, as multas variam entre os 50 e os 44.890 euros.

Esta medida, que entra agora em vigor, visa evitar o abandono dos animais. Em declarações ao Jornal de Notícias, o bastonário da Ordem dos Médicos Veterinários (OMV), José Cid, explicou que a “obrigatoriedade da identificação, a longo prazo, acabará com o abandono dos animais”. Lembra, no entanto que em algumas freguesias os donos de cães registados no Sistema de Identificação de Animais de Companhia (SIAC) são obrigados a pagar uma licença anual, o que leva a que evitem fazer o registo, devendo por isso deixar de existir.

Os preços da colocação do microchip variam, mas rondam habitualmente os 30 euros. Nalguns casos, as câmaras oferecem o procedimento. O processo é simples e indolor, sendo o chip colocado através de um pequeno túnel feito na pele por uma agulha.

Esta medida visa a identificação simplificada e numa única plataforma dos animais de companhia, de forma a contrariar o abandono e as suas consequências para a saúde e segurança das pessoas.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com