Conecte-se connosco

Crimes

Agricultor detido por estar “fortemente indiciado” por crime de incêndio florestal

Publicado

em

Um homem de 41 anos, agricultor, foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) por estar “fortemente indiciado” da prática do crime de incêndio florestal em São João da Pesqueira, no distrito de Viseu.

A PJ referiu em comunicado que, através do Departamento de Investigação Criminal de Vila Real e com a colaboração da Guarda Nacional Republicana – NPA (Núcleo de Proteção Ambiental) de Moimenta da Beira, “procedeu à identificação e detenção de um homem, suspeito de ter ateado um incêndio em área florestal”, no concelho de São João da Pesqueira.

O incêndio, ocorrido pelas 14:20 de segunda-feira, consumiu uma área de mancha florestal “de cerca cinco hectares, constituída, maioritariamente, por mato”.

Segundo a fonte, o incêndio “colocou em perigo uma vasta mancha florestal e área agrícola, de valor consideravelmente elevado”, que não foi consumida devido à rápida intervenção dos bombeiros e de meio aéreo.

O detido, agricultor de profissão, “vai ser presente a interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas”, indicou a PJ.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com