MOBILIDADE

3,2 milhões para tapar buraco no IC2 em Águeda

Notícias de Coimbra | 4 semanas atrás em 24-06-2024

A Infraestruturas de Portugal (IP) adjudicou a obra de reconstrução do Itinerário Complementar 2 (IC2) que ruiu em março na zona de Águeda, no distrito de Aveiro, adiantou hoje a empresa.

PUBLICIDADE

Em comunicado, a IP referiu que adjudicou na quinta-feira, em regime de conceção/construção, a empreitada para a reconstrução do aterro e plataforma rodoviário ao quilómetro 241,5 do IC2, em Águeda, que está cortado ao trânsito desde março.

Em 12 de março, o IC2 abateu nessa zona devido a um deslizamento dos terrenos da encosta, obrigando ao corte integral da circulação nesse troço.

PUBLICIDADE

Com um investimento de 3,2 milhões de euros, a obra implica a reposição do aterro e a drenagem interna, superficial, longitudinal, transversal e a reposição da plataforma rodoviária, incluindo a pavimentação, sinalização horizontal e vertical, equipamentos de guiamento, de balizagem e guardas de segurança, explicou a IP.

A obra, que arrancará em julho, deverá estar concluída em novembro, sublinhou.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

“Com a concretização desta obra será assegurada a integral reposição das condições de circulação e segurança nesta via que atualmente se encontra cortada”, concluiu a empresa.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE